Brasil, mostra a tua cara!

Relutei muito em vir aqui deixar minha humilde opinião sobre o que está acontecendo exatamente com o nosso país. Talvez minhas ideias sejam bem adversas as demais, mas, de toda forma, ainda tenho meus motivos. Ver a nação tomando conta das ruas brasileiras e botando a boca no trombone me soou tão mágico quanto duvidoso. Há muito não se via uma população/juventude tão engajada em mudar o país através de manifestos legítimos. Minha inquietude surgiu pelos motivos primários. Como assim? O Brasil saiu às ruas para gritar contra o aumento de R$ 0,20 centavos da passagem de ônibus? Não temos problemas maiores? Acreditei ser uma jogatina política da braba. Duvidei de onde teriam surgido tais picuinhas. Será que a população estava se tornando fantoches nas mãos de pequenos currais políticos? É muito cômodo criticar o governo e a polícia de forma superficial… No entanto, a massa (assim como eu) abraçou a causa e motivos sólidos começaram a surgir até que os protestos de hoje, 20/06/2013, onde, aproximadamente, 1 milhão de pessoas sacudiram o Brasil.

Com o desenrolar da história, comecei a entender melhor e os motivos da manifestação começaram a ganhar forma e engajamento político. Estamos nas ruas clamando por saúde, educação, fim da corrupção, a maldita PEC 37 e… Oi?! Cura gay? Rá! Nem vou comentar… Comecei a apoiar o movimento. Até a página dois.

É emocionante observar tanto sangue nos olhos de uma geração “facebook” que tirou a bunda da frente do computador e foi pras ruas. Mas, contrariando tanta “inocência” e vontade de mudar/melhorar, o lado negro da força começou a ver nisso um motivo de aparecer. Lógico que de forma negativa. Quebra-quebra, pichação, porradaria e arruaça mancham esse lindo mar de gente que tenta colorir o Brasil.

De um lado, uma polícia despreparada, acuada, agressiva e “defensora”. Do outro, gente destruindo capitais, patrimônios públicos, privados, que, provavelmente, só foi às ruas pra armar confusão. O limite de um termina quando começa o do outro.

Está tudo muito truncado e errado. O brasileiro ainda precisa se educar para protestar. Olho por olho, e o mundo vai acabar cego. Protesto é uma coisa, guerra civil é outra. Ainda temos resquícios de uma ditadura militar, que deve ser eliminado, abuso de poder e gente sem engajamento político. Sim, porque o que tem de gente indo à protesto pra postar foto no Facebook… Deprimente.

Mais importante que correr atrás dos direitos dos cidadãos, que estão na Constituição, é saber fazer isso de forma pacífica e civilizada. Não acredito numa nação animalesca e vandalizada que não é capaz de dialogar. Vale lembrar, que a melhor forma de manifestação fica nas urnas eletrônicas, no dia do voto. #FicaADica.

Vem pra rua! Vai pra rua! Com paz de espírito, amor no coração, ideais na cabeça e um cartaz na mão. Certamente são as melhores armas contra a palhaçada que vem rolando no poder legislativo do Brasil.

Que país é esse?! Brasil, mostra a tua cara!

brazilprotestomascarafogo17junap

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s